Macacão amarelo em visita ao Vaticano

A primavera chegou, o sol voltou aqui pelo sul, e com ela, nosso ânimo! Tudo fica mais colorido e feliz nos dias iluminados, né? Neste clima, o post de hoje é de um dia ensolarado de verão no Vaticano, usando um look amarelo!!! Depois de visitar os principais pontos turísticos de Roma, passamos um dia inteiro conhecendo o menor Estado soberano do mundo, onde fica a sede da igreja católica. Estava novamente muito quente e as filas para entrar nas principais atrações eram enormes! Por isso, indo em alta temporada, compre ingressos com antecedência! Basicamente se deve entrar em dois lugares: na Basílica São Pedro e no Museu do Vaticano, além de visitar a Praça São Pedro (aberta ao público). O que se vê por lá?

  • Basílica São Pedro: é a maior, mais importante e mais visitada construção católica do mundo, com  23 000 m² de área (cabem 60 mil fiéis).  Contém 340 estátuas, sendo a mais importante a Pietá, de Michelangelo (Jesus morto nos braços de Maria). Sob seu altar está enterrado São Pedro, um dos 12 apóstolos de Jesus e primeiro Papa, assim como outros papas.  Sua construção começou em 18 de abril de 1506 e foi concluída em 18 de novembro de 1626.
  • Praça de São Pedro: É a praça onde fica a Basílica e onde são celebradas missas e eventos religiosos públicos. Foi desenhada por  Bernini no século 18 em estilo clássico e barroco, e em seu centro encontra-se um obelisco antigo egípcio. É composta de dois conjuntos ovais de colunas, onde encontram-se 140 estátuas de santos e mártires, papas e fundadores de ordens religiosas, além de fontes de bronze.
  • Museu do Vaticano: Situado próximo à Praça de São Pedro, reúne o Museu Vaticano é um conglomerado de renomadas instituições culturais da Santa Sé, que abrigam extensas e valiosas coleções de arte e antiguidades colecionadas ao longo dos séculos pelos diversos pontífices romanos. As obras estão abrigadas em galerias e capelas. O ponto mais importante é a Capela Sistina, residência oficial do papa, cujo teto foi pintado por Michelangelo (representando o famoso dedo do Criador).

PS: Sobre meu look, usei um macacão de crepe com flores bordadas na gola (modelo canoa), rasteirinha de couro bem confortável e uma bolsa preta transversal, que havia comprado em Roma com um artesão de couros locais. Como estava quente demais, prendi os cabelos e arrematei com uma trança.

1234567891010a16111213141517

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s